domingo, 29 de março de 2009

Salvador, 460 anos

Quando a gente ouve falar aqui e ali que Salvador é a Cidade do Axé, um sonho de quase 19 anos recorre em nossos corações e mentes: ver esta cidade abraçar o nosso ideal político de crer que crianças e adolescentes são o tesouro maior de uma nação, o AXÉ, a energia criativa que existe em tudo, e que a tudo pode transformar. Muito mais que a cidade da música e da alegria, a cidade da justiça, da amorosidade, da humanidade, da maternidade. Uma Cidade Mãe, que cuida e educa, que persevera, que renuncia à vaidade pelo bem dos seus filhos, desiguais em suas singularidades, iguais nos seus direitos e deveres.
Uma cidade onde todo mundo é de Oxum (a Oxum pertence o ventre da mulher e o controle da fecundidade, por isso as crianças lhe pertencem) precisa crescer cuidando do que é seu, do que lhe pertence...
Salvador em seus 460 anos precisa menos de uma nova orla que de novos investimentos para que a maioria de seu povo, que é pobre e que é preto, tenha boas escolas, bons professores, boas moradias, bom atendimento de saúde, bom transporte de massa, bons empregos, segurança, boas áreas de lazer - para que as crianças que aqui nascem, todas elas, estejam preparadas para a construção diária de seu futuro, de sua evolução.
Que seja Cidade de todos os estilos musicais, mas que seja uma cidade que acolhe seus filhos com ternura e justiça. E onde o Projeto Axé, de tão profundamente internalizado, não precise existir, lutar, resistir. Seja tão somente a própria Cidade, a Cidade do Axé.

29 de março de 2009 - Aniversário da Cidade do Salvador



quinta-feira, 19 de março de 2009

Ainda ( e sempre) GEY...





Um punhado de vento
Uma ave de arribação
Um coração cata-vento
Um ventre ave-canção

Ave-Gey, Ave

Do vento-ventre
Sua nova Parição

Gey Espinheira entendia a vida como uma relação que tinha que ser tecida. Era o homem que dialogava com a cidade de modo firme e afetuoso. Nós do Projeto Axé bebemos muito dos seus ensinamentos, em especial, nos últimos dois meses de 2008 quando mediou o processo da nossa Caminhada Estratégica.
Em um belo texto produzido em 24 de novembro de 2008 para estimular a discussão com o nosso grupo de trabalho ele nos dizia:
Nada encontraremos de novo na planura, na superfície. (...) Quando vamos fundo, nós nos modificamos, mudamos a consciência, a forma de ver e sentir o mundo a nossa volta e dentro de nós. Eis porque precisamos ir ao fundo da alma, para valermos à pena”.
Seguramente Gey caminha agora pelos lugares mais profundos da alma da cidade, e assim poderemos nos juntar mais uma vez a ele para escutá-lo quando da comemoração dos 460 da história de nosso povo, que nunca deixou de lutar e resistir com firmeza e afetividade.
Caubi Nova
Assessor da Coordenação de Formação do Projeto Axé.

quarta-feira, 18 de março de 2009

GEY ESPINHEIRA (1947-2009)



A BAHIA PRETA
A BAHIA POBRE
A BAHIA JOVEM
ACORDOU AINDA MAIS DESPROTEGIDA.
CALADA SUA VOZ DE DENÚNCIA, DE CORAGEM
FECHADOS SEUS OLHOS DE AMPLO ALCANCE
PARADA A SUA MÃO CÉLERE E CAPRICHOSA
PARADO SEU CORAÇÃO AMOROSO E APAIXONADO.
DESCANSA SUA INTELIGENCIA PRIVILEGIADA, SUA CULTURA ERUDITA A SERVIÇO DO
NOSSO POVO
POIS AS SUAS IDÉIAS VIVERÃO E ESTARÃO SEMPRE AVANÇANDO CONOSCO NA BUSCA DE NOSSA REDENÇÃO.


OBRIGADO GEY!
AXÉ, GEY!

quinta-feira, 5 de março de 2009

2009 - ANO DA MULHER NO AXÉ




08 DE MARÇO
DIA INTERNACIONAL DA MULHER


Dizem que há CRISE neste ano de 2009.
Crise?... neste Ano? ...
Nenhuma novidade para você,
MULHER-NORDESTINA,
MULHER-CRIANÇA,
INFÂNCIA JÁ PASSADA E JAMAIS VIVIDA...
Concebida, carregada, parida, crescida sem brinquedos,
sem colo, sem ninar...
sob o signo maldito dessa CRISE...
invenção perversa e mentirosa
de governantes e ricos coronéis.
BILHÕES PARA ESSES,
MIGALHAS PARA VOCÊ!
Hoje você carrega o FRUTO DE SEU VENTRE
concebido sem DESEJO, sem GOZO, sem PRAZER...
Você também VIRGEM e MÃE, como Maria que pariu Jesus.
Diante do seu FILHO também se abre
a VIA DOLOROSA DO CALVÁRIO,
para ele também está armada a CRUZ
patíbulo cruel e ao mesmo tempo SINAL DE COMPAIXÃO
para aqueles que são CONDENADOS A VIVER!
Hoje o mundo hipocritamente celebra seu DIA,
MULHER-MULHER,
MULHER-MÃE,
MULHER-CRIANÇA.
O Axé que você constrói celebra SEU DIA
acariciando sua BARRIGA VINGADORA
desfraldada ao vento da opressão.
Sorria, MULHER-FIRMEZA, MULHER-TERNURA.
Surge para você também
a AURORA DA REVOLUÇÃO,
a ALVORADA DA RESSUREIÇÃO.

Cesare de Florio La Rocca

segunda-feira, 2 de março de 2009

Estamos de Volta!

A Coordenação de Formação esteve gozando férias coletivas durante o mês de fevereiro, este foi o motivo deste blog ter ficado sem atualização por tanto tempo, e agora que retomamos nossa Labuta, convidamos a todos para acompanhar nossas novidades, reflexões, indignações e conquistas.
Assim sendo, gostaríamos de iniciar nossas postagens prestando uma homenagem a todas as pessoas que já participaram de nosso Programa de Intercâmbio e muito contribuíram com suas ações voluntárias, falando de Sanna Ryynänen - uma finlândesa que aqui chegou em 2004, passou mais de um mês no Centro de Formação aprendendo melhor o português e a cultura baiana e depois iniciou um trabalho maravilhoso com os educandos da Unidade do Pelourinho, especificamente os do projeto de Música. Tamanha foi a integração de Sanna com os meninos e meninas do Axé que ela retornou à Finlândia com muitos novos "amigos" em sua página no Orkut. Através daquele meio de comunicação internacional pode manter contato permanente com os educandos e isso em muito facilitou seu retorno para novos períodos de estágios nos anos seguintes.
Em 2006 Sanna resolve estudar Pedagogia Social em sua terra natal e em 2008 foi convidada pela Universidade de São Paulo (USP), através de um professor que ficou muito entusiasmado com seu trabalho, a participar do II Congresso Internacional de Pedagogia Social apresentando seu trabalho A Práxis da Pedagogia Social no Contexto Brasileiro, onde Sanna relata e analisa sua experiência no Projeto Axé.
Há muito queríamos socializar este texto aqui no blog e aproveitamos o início dos nossos trabalhos para fazê-lo, ressaltando a importância desses colaboradores aguerridos, cheios de vontade e confiança, que muitas vezes atravessam o mundo para nos doar o seu melhor!
É so clicar e conferir!


Sanna Ryynänen em Helsinque-Finlândia




Centro Projeto Axé de Defesa e Proteção à Criança e ao Adolescente

Av. Estados Unidos nº 161 Edf. Suerdieck 9º andar Comércio



Salvador-Bahia Brasil CEP - 40.010-020



tel: 55 71 3327-2262



Funcionamento: 8:00 às 12:00 e 13:00 às 17:00h



e-mail: centrodeformacao@projetoaxe.org.br